segunda-feira, 26 de junho de 2017

O Espinho



E logo ali...
estava ele de cabeça baixa a rabiscar o chão com um espinho de uma rosa,
me aproximei.
Peguntei o porque da tristeza
Ele me falou de sua dor
da perda de um amor
Calada fiquei...
Falou-me dela como se falasse de uma rosa
meiga, suave e bela.